QUESTÃO DE INCOMPETÊNCIA

Vereador cobra o pagamento do PASEP

Vereador cobra o pagamento do PASEP

Para o líder da oposição na câmara de vereadores de Pindaré, não há dúvidas: um dos grandes problemas do governo bacurau, é a incompetência dos que por lá trabalham (ou fingem que trabalham).

Segundo Edinho (PSDC) mais uma vez passam funcionários para trás, ao não informar quando será pago o PASEP. Ano passado culparam o governo anterior. Esse ano, a desculpa não faz mais efeito.

“Não se preocupam com os funcionários. É um descaso”, afirmou o vereador.

PASSAR A FAIXA? NÃO OBRIGADO

Uma má perdedora

                 Uma má perdedora

Descoberto o real motivo da governadora Roseana Sarney (PMDB) querer renunciar ao mandato antes do fim: ela não quer passar a faixa ao sucessor, Flávio Dino (PC DO B).

Com a renúncia, que deve acontecer agora em novembro, assume o posto, o deputado e presidente da Assembleia, Arnaldo Melo (PMDB). Caberá então a ele, a missão da faixa.

HAJA CALOR

calor

A Prefeitura de Pindaré firmou contrato para o fornecimento de aparelhos de ar condicionado com a empresa J C C de Oliveira Eireli (Frio Center Refrigeração, de Santa Inês), no valor de  R$ 189.600,00 (cento e oitenta e nove mil e seiscentos reais). A assinatura do contrato ocorreu no dia 25 de junho e o prazo de execução dura até o dia 31/12.

Também na mesma data, a prefeitura firmou contrato com a Empresa Pirâmide Comércio – (A. Marques da Silva Comércio, Varejo de Máquinas e Equipamentos), também para o fornecimento de aparelhos de ar no valor de R$ 205.630,00 (duzentos e cinco mil, seiscentos e trinta reais). O prazo de execução é o mesmo.

Somando tudo, só em ar condicionado a Prefeitura gasta este ano R$ 395.230,00 (Trezentos e noventa e cinco mil, duzentos e trinta reais).

Tudo está devidamente publicado no Diário Oficial do dia 14 de outubro.

ROQUE CONDENADO

image111

Ex-prefeito de Bom Jardim, Roque Portela, foi condenado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) por irregularidades no uso dos recursos do FUNDEB/FNDE em 2005. A informação é do blog do Neto Ferreira.

Por determinação do Tribunal, ele é obrigado a devolver R$ 2.377.053,47 (dois milhões, trezentos e setenta e sete mil, cinquenta e três reais e quarenta e sete centavos) aos cofres públicos.

O CHULÉ DO BACURAU

Oposição do início ao fim

             Oposição do início ao fim

Para afastar de vez os boatos de que abraçará o governo bacurau, o vereador Mazinho (PT) mandou um recado em alto e bom som aos boateiros de plantão, e ao próprio prefeito de Pindaré, Walber Furtado (PR), na última sessão da câmara de vereadores:

““Eu sei que ele está me ouvindo agora e que ele pode ter certeza que durante esses quatro anos eu serei um calo no pé dele, serei um chulé no pé dele, não vou descolar um só minuto do pé dele.”

SÓ O BAGAÇO

Pior do que tá, vai ficar..,

          Pior do que tá, vai ficar…

Disposta a dar sua última “contribuição” ao Maranhão, Roseana deixará à Flávio Dino, um estado com saúde na UTI, obras inacabadas, educação e segurança pedindo socorro.

Fora isso, do dia para noite ela resolveu abrir os cofres para os municípios. No fim de tudo, para o novo governo não sorá sobrará um centavo. Somente contas a pagar e problemas a resolver.

METAMORFOSE AMBULANTE

Mais 4 ou não? Eis a questão.

Mais 4 ou não? Eis a questão.

Após enfrentar um 2013 turbulento e um 2014 (até agora) sem muita oposição e até de uma certa calmaria, embora continue a fazer um governo horroroso, Walber Furtado (PR) já pensa em concorrer novamente à prefeitura de Pindaré em 2016.

Até pouco tempo ele descartava essa hipótese.

No entanto, o ano de 2015, projeta-se de grandes dificuldades. Principalmente no jogo político. Aí ele pode mudar de opinião. De novo.

O FUTURO DA NOVIDADE

download

                      Em alta

A empresária Anne Cleide, dona de um grupo de lojas em Pindaré, virou da noite para o dia uma liderança política.

Apoiando Josimar de Maranhãozinho (PR), conseguiu abocanhar mais de 1500 votos. Um fato que não deixa de ser grande, até pela embolada eleição deste ano.

O que muitos querem saber é: qual caminho ela seguirá em 2016? Candidata a prefeita, vice, ou apoiar a reeleição de Walber são caminhos prováveis.